fbpx

O Arauto Brasileiro

O jornal da família tradicional brasileira

EUA suspendem tarifas sobre metais de Canadá e México

Trump chega a acordo com os governos dos países vizinhos para revogar sobretaxas a importações de metais, aliviando guerra comercial travada há um ano. Medida abre caminho para ratificação de pacto substituto do Nafta.
por David Lawder e Steve Scherer
Washington/Ottawa (Reuters) – Os Estados Unidos fecharam acordos nesta sexta-feira para suspender tarifas sobre importações de aço e alumínio do Canadá e do México, disseram os governos dos três países, removendo um grande obstáculo à aprovação legislativa de um novo pacto comercial.
Os acordos, que não imporão cotas norte-americanas às remessas de metais do Canadá e do México, também eliminarão tarifas de retaliação mexicanas e canadenses sobre uma ampla gama de produtos norte-americanos, incluindo carne suína e bovina.
EUA e Canadá informaram que o acordo será implementado até a tarde de domingo e incluirá novas medidas destinadas a impedir que o aço e o alumínio objeto de dumping provenientes da China e de outros países entrem no mercado dos EUA via Canadá.
O presidente dos EUA, Donald Trump, havia imposto tarifas globais de 25% sobre aço e de 10% sobre alumínio em março de 2018, alegando motivos de segurança nacional.
Tanto o Canadá quanto o México argumentaram por 14 meses que suas indústrias metalúrgicas não apresentavam nenhuma ameaça à segurança, já que suas economias estão integradas aos EUA, e desafiaram as tarifas ante a Organização Mundial do Comércio.
O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, disse a jornalistas após anunciar o acordo:
Esta é uma boa notícia para os canadenses.
15203556205a9ec9244fda7_1520355620_3x2_rt
Patronal UE dice que aranceles de Trump pueden derivar en guerra comercial
aco-bruto9
exportações
Stahlarbeiter
previous arrow
next arrow
As tarifas sobre metais foram uma grande irritação para o Canadá e o México e fizeram com que interrompessem o progresso em direção à ratificação do novo Acordo EUA-México-Canadá (USMCA), o acordo comercial trilateral para substituir o Acordo de Livre Comércio da América do Norte (NAFTA), de 25 anos.
Trump, falando a corretores de imóveis em Washington, chamou o pacto de “um acordo fantástico para nosso país” e afirmou esperar que o Congresso aprove rapidamente o USMCA. Ele disse:
Então os grandes fazendeiros e fabricantes e siderúrgicas tornarão nossa economia ainda mais bem sucedida do que já é.
Jesus Seade, vice-ministro das Relações Exteriores do México para a América do Norte, disse que o acordo “aumenta de forma mensurável a probabilidade” de que o USMCA seja aprovado antes das férias de verão do Congresso dos EUA em agosto.
As tarifas de metais da Trump têm como objetivo manter o excesso de produção da China fora do mercado norte-americano, e o acordo inclui um novo mecanismo de monitoramento destinado a impedir que aço e alumínio da China e de outros países sejam transbordados do Canadá e do México para os Estados Unidos.
Mas o escritório do Representante de Comércio dos EUA também disse que o acordo permite reimpor as tarifas no caso de “surtos” nas importações de produtos siderúrgicos específicos. Se as tarifas forem restabelecidas, a retaliação será limitada aos setores de aço e alumínio.
As montadoras, que anunciaram centenas de milhões de dólares em custos adicionais nos EUA devido às tarifas, elogiaram o acordo e disseram que ele tornou mais próxima a aprovação do USMCA.

Se gostarem, compartilhem e divulguem nosso jornal, as nossas páginas e/ou perfis nas redes sociais:

Facebook Gab Gettr Instagram LinkedIn Minds Parler Telegram Tumblr Twitter WhatsApp YouTube

Para aqueles que quiserem contribuir com o nosso modesto jornal, dispondo de algum capital para financiar-nos, cliquem no link abaixo e conheçam melhor o nosso projeto de mídia independente de jornalismo e informação.

Invista já no Arauto Brasileiro e fique sempre bem informado!

E não deixem de divulgar nossas redes sociais a outros amigos leitores e seguidores e para o maior número possível de pessoas, e sobre o nosso jornal online! Se inscrevam em nosso canal no YouTube, cliquem no sininho para continuarem a receber novidades sobre vídeos publicados no canal e curtam os vídeos para aumentar a nossa visibilidade e relevância na internet!

E sigam sempre as nossas publicações em nossas redes sociais oficiais!

Para aqueles que quiserem realizar denúncias, fazerem reclamações, elogios, sugestões, ou ainda, quaisquer outras solicitações ao nosso jornal, basta clicarem nos links abaixo, que lhes dará acesso aos respectivos formulários, contribuindo para melhorarmos ainda mais o nosso projeto de mídia independente.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação
Roberto Mayrink
Autor(a): Roberto Mayrink

Engenheiro, escritor e pesquisador autodidata. Criador de vários websites. Analista político. Conservador e monarquista. Estudioso de História, Genealogia, Heráldica e outras ciências relacionadas.