fbpx

O Arauto Brasileiro

O jornal da família tradicional brasileira

A burrice dos políticos na pandemia pode matar mais do que o próprio vírus

Um governador que fala até brutalmente sobre o tamanho da crise, antecipa o fechamento da maior cidade do país, toma medidas enérgicas e cobra providências do governo federal.

Os governadores e prefeitos são chefes do poder executivo dos estados e municípios, respectivamente. A função principal desse poder é administrar. Porém, ao que parece, os parlamentares não sabem fazer muitas coisas além de administrar o dinheiro que desviam para seu próprio bolso quando superfaturam as compras de objetos essenciais para o enfrentamento do vírus.

Mas, vamos ao que interessa: a burrice desses “administradores” eleitos.

Eles, para evitar aglomeração, DIMINUÍRAM a frota de ônibus, os horários do comércio e dos bancos.

Oras, se reduzem a quantidade de ônibus, consequentemente mais pessoas andarão juntas, aglomeradas, já que há poucos carros circulando e muitas pessoas para andar neles, o que impossibilita o distanciamento entre os passageiros. 

O mesmo acontece no comércio, se reduzem o tempo que ele fica aberto, muitas pessoas irão no mesmo horário.

A medida mais idiota do mundo é reduzir o horário do banco, causar uma fila imensa do lado de fora e, do lado de dentro, ter quadradinhos para manter o distanciamento social. Isso é um insulto à inteligência do povo!

imagem01-red
imagem02-red
imagem03-red
imagem04-red
imagem05-red
imagem06-red
imagem07-red
selo-pt-qualidade-acadêmica
previous arrow
next arrow

Resumindo: os senhores políticos estão aumentando a aglomeração e, como plus, ainda causam desemprego, falências e tiram o pão da mesa do trabalhador comum que não tem as regalias que os parlamentares dispõem.

A solução é tão simples que chega a ser risível: aumentem a frota ônibus o máximo que puderem, contratem mais motoristas. Quanto mais carros na rua, menos pessoas andarão juntas neles. Aumentem o horário do comércio. Quanto maior o horário, menos pessoas se esbarrarão no local.

Simples, não é mesmo?

A solução é fazer exatamente o oposto do que os senhores políticos, em sua infinita sabedoria, estão fazendo.

Uma coisa é certa: se aglomerações causam morte, então essas medidas políticas são uma forma de extermínio em massa.

Jenifer Castilho
Autor(a): Jenifer Castilho

Escritora e pedagoga. Resenhista, blogueira e YouTuber. Analista política, Conservadora Cristã, Anti-feminista e Ativista digital em redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.