fbpx

O Arauto Brasileiro

O jornal da família tradicional brasileira

Brasil

Como afirmado na delação premiada do ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, o ministro Dias Toffoli, do STF, é suspeito de ter recebido propina no valor de quatro milhões de reais para beneficiar prefeitos. O ministro Fachin inicialmente autorizou a PF a investigar Dias Toffoli, mas “inexplicavelmente”, depois recuou e proibiu qualquer busca de provas contra ministros do STF.

“Comunidade, venham testemunhar a honra ou a desonra do policial militar do estado da Bahia […] Não vou deixar. Não vou permitir que violem a dignidade e honra do trabalhador”, afirmou, supostamente, sobre os abusos de autoridades cometidos durante as medidas restritivas do lockdown. “Eu quero trabalhar com honra, com dignidade. Eu não vou mais prender trabalhador. Não entrei na polícia para prender pai de família. Quero trabalhar com dignidade, porque sou policial militar da Bahia”, disse ele. A família informou que Wesley Góes nunca tinha apresentado qualquer tipo de surto. O PM era noivo e trabalhava na 72ª CIPM havia quatro anos. Ele chegou a ser socorrido pelo Samu e levado para o hospital, mas não resistiu.

A atual geração vem confirmando um antigo adágio: “homens fortes criam tempos fáceis e tempos fáceis geram homens fracos, mas homens fracos criam tempos difíceis e tempos difíceis geram homens fortes”. Nós acrescentamos que famílias fortes geram filhos fortes bem educados, e moralmente imbatíveis. O contrário também é verdade.